06/07/2017

Silvio Santos: aquele que tem os seus preconceitos perdoados pelo fato de ser quem é

Imagem: Reprodução. 


     Silvio Santos é um apresentador e empresário brasileiro. É conhecido por seu grande talento enquanto apresentador e por ser dono do SBT (Sistema Brasileiro de Televisão). Entretanto, nos últimos tempos Silvio tem se tornado notícia constante não pelo fato de ser uma lenda viva da televisão brasileira, mas sim por suas declarações de cunho preconceituoso. Porém, mesmo assim, tem gente que procura relativizar o que Silvio fala pelo fato dele ser quem é.

Silvio Santos em seus primeiros anos na televisão. Imagem: Reprodução. 

     Nascido na cidade do Rio de Janeiro, Silvio Santos (Silvio é nome artístico. Seu nome verdadeiro é Senor Abravanel) já trabalhou como camelô e serviu ao Exército Brasileiro. Começou sua  carreira no rádio e em seguida foi para a televisão. Passou por algumas emissoras de televisão, até que em 1981 fundou o SBT (Sistema Brasileiro de Televisão), sua própria emissora. Não demorou muito para que o SBT se tornasse uma das principais emissoras do país. Os programas desta emissora marcaram gerações e muitos dos artistas consagrados da televisão brasileira tiveram a ajuda direta ou indireta de Silvio Santos. Gugu Liberato, Eliana, Mara Maravilha, Angélica, Celso Portiolli e a jovem Maisa Silva são apenas algumas das muitas pessoas que chegaram ao estrelato com a ajuda de Silvio.

Momento em que Silvio Santos faz um comentário racista para uma menina negra que se apresentava em seu programa. Imagem: Reprodução/SBT. 

     O talento de Silvio Santos, bem como a sua contribuição para a televisão brasileira são incontestáveis e ele deve ser respeitado por isso. Porém, as polêmicas em que Silvio Santos anda se envolvendo tem deixado em segundo plano seu grande talento. Em 2014, durante apresentação do Teleton, o elenco da novela Chiquititas (2013-2015), formado basicamente por crianças, estava presente. Silvio Santos então perguntou a cada uma delas o que elas queriam ser quando chegassem a idade adulta. Quando chegou a vez de Julia Olliver, uma atriz negra que na época tinha 11 anos de idade, a menina respondeu que estava em dúvida se seria atriz ou cantora. O dono da emissora ironizou: "Mas com esse cabelo?", perguntou. "Como assim?", respondeu Julia confusa. O apresentador riu e continuou entrevistando as demais crianças presentes no palco. Dois anos depois e novamente durante apresentação do Teleton, Silvio protagonizou mais um episódio de racismo. Enquanto entrevistava Daiane, dançarina que se apresentava no programa, ele afirmou: "Você é muito graciosa. Embora sendo a única negra entre as brancas, é bonita. É bonita de verdade.". Silvio se referiu a cor da pele da moça como se isso fosse algo ruim, o que não é. Além disso, ainda com Daiane, Silvio fez comentários de cunho gordofóbico e que hipersexualizasse a moça. Também em 2016, enquanto uma criança negra se apresentava em um de seus programas, Silvio disse que o cabelo da menina estava "chamando muita atenção".

Dudu Camargo, Silvio Santos e Maisa Silva. A polêmica participação das celebridades juvenis ainda está causando grande repercussão. Imagem: Reprodução/SBT.

     Além de comentários racistas, Silvio também já fez muitos comentários machistas na televisão. Em 2017, durante apresentação do Troféu Imprensa, Silvio constrangeu Rachel Sheherazade no momento em que foi entregar um prêmio para a moça. O fato foi largamente noticiado pela mídia como uma "bronca" do patrão. Porém, o que Silvio fez com Sheherazade foi machismo e assédio moral. O "patrão" deixou Rachel sem graça ao dizer que não a chamou para dar opinião, mas sim para ler notícias, reduzindo a moça a uma mera mulher bonita. Porém, Rachel foi contratada por Silvio Santos justamente depois de um vídeo seu onde critica o carnaval ter viralizado na rede. Ou seja: ela foi chamada para dar opinião, sim. Entretanto, a situação mudou de figura depois que os comentários de Sheherazade geraram grande polêmica. Curiosamente, com Danilo Gentili, que também costuma dar declarações polêmicas e é várias vezes processado por isso, Silvio o tratou completamente diferente. A "bronca" foi mais branda. O fato ocorreu há umas semanas atrás, mas ainda está tendo grande repercussão. Durante um programa de Silvio Santos, onde Maisa e Dudu Camargo estiveram presentes, o "homem do baú" fez comentários machistas e tentou aproximar Maisa e Dudu, forçando um romance entre os dois. Foi um show de horrores onde o âncora do Primeiro Impacto chegou a chamar a moça de 15 anos para dormir com ele (?). Como o fato gerou muita polêmica, Silvio tentou unir os dois novamente, mas Maisa saiu do palco aos prantos e o dono do SBT recuou.

Silvio Santos chama João Guilherme de "bichinha" durante seu programa. Imagem: Reprodução/SBT.

     Além de fazer piadas machistas, Silvio Santos já fez também comentários homofóbicos. Em 2016, durante seu programa, Silvio chamou o ídolo teen João Guilherme de "bichinha" por conta do excesso de maquiagem que João estaria usando no folhetim Cúmplices de um Resgate (2015-2016). A internet reagiu e o dono do SBT foi chamado de homofóbico pelos internautas.
     A lista de polêmicas de Silvio Santos é extensa e o que foi citado aqui é uma pequena parte desta mesma lista. Muita gente pensa que o dono do SBT está adotando um comportamento polêmico nos últimos tempos, o que não é verdade. Silvio sempre foi isso aí que todos vêem, a diferença é que em outras épocas muita gente aceitava e achava graça do que ele falava, coisa que não mais acontece na atualidade. Tem gente também que acredita que Silvio Santos não mais goza de suas plenas faculdades mentais, o que também não é verdade. Se o "patrão" estivesse passando por isso, seus próprios familiares o teriam afastado da direção do SBT e do Grupo Silvio Santos, que é composto por diversas empresas de Silvio e entre elas a emissora de televisão em questão.
     Silvio Santos, assim como qualquer outra pessoa, é um homem de seu tempo que cresceu em uma sociedade que ainda é machista, racista e homofóbica. Foi neste contexto que foi fundado o SBT e as demais emissoras de televisão no Brasil, basta olhar os inúmeros relatos de assédio feito por várias atrizes. Desta forma, não é de se espantar que ele carregue consigo tais preconceitos. Porém, Silvio Santos é um comunicador e assim como qualquer pessoa do ramo, deve estar atento ao curso da sociedade e não reproduzir preconceitos, discursos de ódio ou coisa parecida.

Silvio Santos e seus cabelos grisalhos. Muita gente associa as polêmicas de Silvio a sua idade e por ser quem é. Imagem: Reprodução. 

     Há pessoas que relativizam as polêmicas de Silvio Santos pelos motivos acima citados e por ele ser quem é. Sempre que uma fala preconceituosa de Silvio Santos é motivo de debate, logo se ouve alguém dizer: "Ah, mas é Silvio Santos", "Silvio Santos é Silvio Santos" ou coisa parecida. É como se a figura do "homem do baú" fosse um salvo-conduto para ele poder falar o que quiser. Não é assim que a coisa funciona. Gosto muito do Silvio Santos e não quero nem imaginar como vai ser no dia que ele morrer, mas isso não significa que eu concorde e/ou relativize os preconceitos do "patrão". Preconceito algum não deve ser tolerado, independente de quem venha, mesmo que a pessoa seja famosa. O fato de Chris Brown ser Chris Brown não justifica ele ter agredido Rihanna, o fato de Victor Chaves ser Victor Chaves não justifica ele ter agredido a esposa, o fato de Marlon Brando (1924-2004) ser Marlon Brando não justifica ele ter estuprado a atriz Maria Schneider (1952-2011) em polêmica cena de sexo do filme O Último Tango em Paris (1972) e o fato de Oscar Pistorius ser Oscar Pistorius não justifica ele ter matado a namorada.
     É preciso parar de relativizar as infrações de uma pessoa somente pelo fato dela ser famosa e/ou rica. Isso reforça o julgamento seletivo existente em muitas sociedades. Se alguém com o comportamento de Silvio Santos fosse negro e pobre, ele passaria impune pelo julgamento social?

Conclusão

     Silvio Santos sempre foi uma pessoa preconceituosa, mas como eram outros tempos, seus preconceitos eram perdoados e até riam disso. Entretanto, os tempos são outros e o machismo, racismo, homofobia, gordofobia e qualquer preconceito não mais estão sendo tolerados nos dias atuais. É por essa razão que as declarações de cunho preconceituoso vindas de Silvio tem tido uma repercussão negativa tão grande. Porém, há quem o defenda pelo fato dele ser quem é. Entretanto, o preconceito não deve ser tolerado, independente de quem venha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...